Publicada em: 03/04/2020 12:46

UEA entrega Kits de EPIs para profissionais de saúde que estão no combate a COVID-19

Com o objetivo de proteger os profissionais de saúde do Amazonas que estão trabalhando na linha de frente do combate ao Coronavírus (COVID-19), a Universidade do Estado do Amazonas (UEA) realizou nesta sexta-feira (03/04), a primeira entrega dos Kits de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) confeccionados nos laboratórios da Escola Superior de Tecnologia (EST/UEA) por professores e alunos da instituição. A doação aconteceu na Sede da Central de Medicamentos do Amazonas (CEMA), Av. Duque de Caxias, 1998, Praça 14 de Janeiro, com a presença do governador do Amazonas, Wilson Lima e do reitor da UEA, Cleinaldo Costa.

Na oportunidade, foram entregues mais de 7 mil EPIs, sendo 300 protetores faciais, 2,5 mil avental em TNT (100% polietileno) impermeável, 2,5 mil capuz e 2,5 mil par de propés e perneiras impermeáveis que vão até a altura dos joelhos. Os materiais foram fabricados em impressoras 3D.

Após a entrega dos Kits, o governador afirmou que está sendo feito um trabalho muito grande para garantir, além da assistência a saúde para a população, a proteção dos profissionais que estão diariamente neste combate a COVID-19. Wilson garantiu que todo o material doado pela UEA será imediatamente distribuído para a capital e interior do Amazonas.

"Os nossos esforços estão voltados para o Coronavírus. Hoje recebemos kits de EPIs que foram desenhados por alunos da UEA e fabricados por impressores 3D. Nós temos uma preocupação muito grande de oferecer uma proteção adequada para os profissionais que estão atuando nessa área", disse o governador.

Já o reitor da UEA, Cleinaldo Costa, revelou que a estimativa é produzir, inicialmente, 16 mil aventais, capuzes e pares de propés caneleiras. Cleinaldo destaca que a UEA e o governo do Amazonas planejam suprir, com esses EPIs, as equipes de saúde do Amazonas, dentro do que for possível.

"Nós atendemos uma convocação do governador do Amazonas para se engajar nesta batalha contra o Coronavírus. Neste momento, professores e alunos entraram neste cenário fortalecendo a nossa presença no desenvolvimento de EPIs para profissionais que atendem diretamente paciente com COVID-19. Essa é a contribuição da nossa Universidade", disse Cleinaldo.

ITENS ASSOCIADOS